Comportamento sedentário em adolescentes atendidos pela Estratégia de Saúde da Família em Cuiabá, Brasil

Autores

  • Marcelo Alexandre Instituto Federal de Mato Grosso - Campus Sorriso
  • Ageo Silva
  • Christianne Coelho-Ravagnani

DOI:

https://doi.org/10.12820/rbafs.v.21n4p%25p

Palavras-chave:

Comportamento do adolescente, Atenção Primária à Saúde, Promoção da saúde

Resumo

Analisamos a associação entre fatores relacionados ao domínio pessoal, ao ambiente físico e ao ambiente social com o comportamento sedentário (CS), pautando-se em pressupostos socioecológicos. Inicialmente cada variável independente foi testada separadamente com o desfecho – análises bivariadas – através do teste Qui-quadrado de Pearson calculando-se a Razão de Prevalência bruta (RPb) e Intervalos de Confiança (IC) de 95%. No processo das análises multivariáveis, utilizou-se a técnica de Regressão de Poisson múltipla e os pressupostos da utilização dos modelos hierarquizados. A análise final constituiu-se de 399 adolescentes (59% meninas e 62% ≥15 anos) atendidos pela Estratégia de Saúde da Família de Cuiabá-MT.  A prevalência de comportamento sedentário foi de 55% para a amostra total. Os fatores: morar com o pai (RP= 1,08; IC95% 1,00;1,17), escolaridade materna < 8 anos (RP= 0,89; IC95% 0,83;0,96), consumo de álcool por familiares (RP=1,14; IC95% 1,06-1,23), não conhecer locais para prática de atividade física (AF) (RP=1,09; IC95% 1,01;1,17) e não conhecer programas de saúde para jovens (RP=1,10; IC95% 1,02;1,19) foram associados significativamente ao CS. Dos cinco fatores associados ao CS, um fator relacionou-se ao ambiente físico (conhecer locais para prática de AF) e quatro ao ambiente social (escolaridade materna, morar com o pai, consumo de álcool por familiares e conhecer programas de saúde para jovens). Os achados deste estudo sugerem a necessidade de intervenções para a redução do CS por parte da Estratégia de Saúde da Família, direcionadas não apenas ao contexto individual dos adolescentes, mas à família e ao ambiente físico dessa comunidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcelo Alexandre, Instituto Federal de Mato Grosso - Campus Sorriso

Graduado em Educação Física, especialista em Saúde e Envelhecimento, Mestre em Biociências. Docente do Instituto Federal de Mato Grosso, Campus Sorriso.

Downloads

Publicado

2016-07-01

Como Citar

1.
Alexandre M, Silva A, Coelho-Ravagnani C. Comportamento sedentário em adolescentes atendidos pela Estratégia de Saúde da Família em Cuiabá, Brasil. Rev. Bras. Ativ. Fís. Saúde [Internet]. 1º de julho de 2016 [citado 28º de setembro de 2021];21(4):344-5. Disponível em: https://rbafs.emnuvens.com.br/RBAFS/article/view/7953

Edição

Seção

Artigos Originais